Periferias 2019

O Periferias traz de volta o cinema nas noites de verão

A VII edição do Festival Internacional de Cinema Periferias, a realizar de 10 a 18 de Agosto, com sessões especiais a 3 e a 20 de Agosto, traz de volta o cinema ao ar livre em aldeias e lugares históricos da raia.

O festival marcará presença em mais de uma dezena de lugares de Portugal e Espanha, dando continuidade à sua aposta na divulgação de cinema de autor, dentro das temáticas do ambiente, direitos humanos, arte e cultura.

O cinema produzido nos dois países ibéricos continuará a ocupar lugar de relevo no programa do presente ano, que inclui obras de diferentes géneros como o documentário, ficção e animação.

Além dos filmes, estão agendados concertos, exposições e debates, de que daremos notícia muito em breve.

Pelo sétimo ano consecutivo, o Periferias mantém o compromisso assumido enquanto projecto de descentralização cultural e criação de novos públicos.

Os lugares

Entre palcos habituais e outros que se estreiam, o Periferias tem sessões previstas em Marvão, Portagem, Santo António das Areias, Beirã, Galegos, Fontanheira Valência de Alcântara, Cedillo, Malpartida de Cáceres e Zarza la Mayor.

As temáticas

O VII festival periferias propõe-se ser um espaço de reflexão e interrogação acerca do tempo complexo que vivemos. 

Um tempo de encruzilhada em que se colocam desafios urgentes relacionados com o ambiente como o aquecimento global, a poluição e contaminação dos oceanos, a destruição acelerada de habitats naturais e humanos.

Noutra vertente, a dos direitos humanos, reclamam o nosso olhar fenómenos de pobreza e exclusão social, crises migratórias, conflitos étnicos e religiosos, a emergência de populismos e novas forma de totalitarismo. 

As obras que apresentaremos ao longo destes dias mostram aspectos deste presente que é o nosso, aportando diferentes olhares e leituras, certamente úteis para a reflexão e o debate. 

A par da exploração destes temas queremos continuar a dar visibilidade a abordagens inovadoras, que se mostrem capazes de apresentar perspectivas diferenciadas da realidade ou que explorem universos artísticos e literários dignos de atenção.